terça-feira, 6 de setembro de 2011

Rósacea: como resolver este problema

Se é uma das pessoas que de vez em quando tem marcas vermelhas na sua cara, inchaços ou pústulas, o mais provável é sofrer de rosácea.
Se ainda não sabe, as mulheres sofrem em maior número deste mal que os homens.
Ainda não se sabe qual a origem desta doença. Há quem aponte como fatores que originam o aparecimento deste mal, o Sol, doença vascular provocada por bactérias gastro-intestinais, sol ou até mesmo ácaros que vivem nos folículos pilosos. Também se pensa que a hereditariedade desempenha um papel importante na aquisição da rosácea.
Algum sintomas comuns da rosácea são:
- Ruborização frequente no rosto.
- Rosto irritado com manchas vermelhas.
- Erupções vermelhas (como espinhas ou borbulhas) no rosto.
- Minúsculos vasos sanguíneos em torno do nariz ou das bochechas.
- Nariz vermelho e inflamado, inchado na ponta.

E como é que poderei tratar ou amenizar os sintomas?

-->
Fique a saber que se a rosácea não for tratada, e apesar de esta doença aparecer em ciclos, a rosácea não tratada fica com sintomas cada vez mais graves.

Existem algumas formas de tratamento tais como:

Utilização de Antibióticos sob a forma de pomada
Pomadas antibióticas e pílulas como a tetraciclina são tratamentos comuns para a rosácea. A pomada, é normalmente o que é receitado como primeira forma de tratamento. Outra forma de atuar no combate à rosácea, é juntar no tratamento as pílulas e a pomada para limpar a inflamação da rosácea. Esses remédios são utilizadas principalmente pelas suas propriedades anti-inflamatórias.

Medicação mais forte.
Quando uma erupção de rosácea é bastante grave, os médicos podem prescrever um medicamento chamado isotretinoína. Este antibiótico que é receitado para acne grave, faz com que as glândulas sebáceas do rosto diminuam. Os efeitos deste antibiótico nos efeitos da rosácea são maravilhosos. O problema são os efeitos colaterais que também eles podem ser grandes. Por esta razão é que os médicos normalmente não o costuma receitar. Primeiro recorrer às soluções apontadas anteriormente e só recorrem a esta em último caso.

Métodos cirúrgicos.
Com a cirurgia a laser, os médicos podem reduzir a visibilidade dos vasos sanguíneos e da vermelhidão no seu rosto. Pode parecer estranho, mas os lasers são utilizados para causar danos deliberados aos capilares, o que desencadeia os mecanismos de defesa do organismo e reduz o aparecimento da inflamação.
Para além disso, os lasers podem reduzir o acumular de tecido vermelho no nariz, um sintoma comum da rosácea avançada.

E sem ser estas soluções, o que podemos fazer para diminuir a rosácea?
Mantenha um diário e anote as alturas em que a rosácea lhe aparece. É que deste modo, poderá descobrir quais os alimentos, fatores ambientais, atividades ou outros fatores que lhe provocam a vermelhidão.
Existem alguns fatores conhecidos que costumam ser favoráveis ao aparecimento da rosácea, tais como: o stress, álcool, certos medicamentos, alimentos ou bebidas quentes, o calor em geral, comida apimentada e exposição ao Sol. O álcool e a exposição solar são fatores tão comuns que os médicos recomendam a qualquer paciente para evitá-los o máximo possível.

Já agora não se sinta complexada com este problema, e fique a conhecer algumas figuras públicas que sofrem deste problema: Bill Clinton, Princesa Diana e JP Morgan.

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...